Skip to content

Economia Brasileira: Recuperação e Investimentos

A economia brasileira mostra sinais de recuperação e volta a atrair investimentos estrangeiros.

Dados apontam que de julho a setembro de 2015, comparado ao mesmo período de 2016, o mercado de fusões e aquisições de empresas no Brasil teve um crescimento de 106%, sendo que 46,7% do investimento correspondem ao capital estrangeiro.

Além do prognóstico de estabilidade política e financeira, após o encerramento do processo de impeachment que retirou o Partido dos Trabalhadores do comando do governo e tornou o Brasil um terreno mais seguro na visão da comunidade internacional, as oportunidades deixadas pela crise atraem investidores estrangeiros.

Ademais, a crise política-econômica que resultou no rebaixamento da classificação do risco Brasil desvalorizou significativamente o Real frente ao Dólar e os ativos brasileiros tornaram-se extremamente baratos. Nesse cenário, o Brasil foi apontado como “negócio da década” para investidores agressivos que arriscam a investir em períodos de crise.

Os setores atrativos aos estrangeiros são de infraestrutura, especialmente devido aos escândalos de corrupção envolvendo grandes empreiteiras brasileiras e, também, os setores de educação, saúde, tecnologia; setores nos quais o Brasil apresenta um gap de investimento local.

Todavia, economistas apontam que os investidores estrangeiros ainda estão temerários com a volatilidade da política e economia nacionais. Ressaltam, assim, que a recuperação da economia brasileira dependerá das reformas e políticas econômicas adotadas pelo governo Temer.

Fontes:

http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2016-05/investidores-estrangeiros-apostam-na-recuperacao-do-pais

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2016/09/1810022-investidores-estrangeiros-comecam-a-voltar-ao-pais.shtml

Estrangeiro volta a investir no país – Rodrigo Rocha e Carolina Mandl, Valor Econômico, edição de 14 de outubro de 2016.